Três candidatos empatam e segundo turno fica indefinido

8 09 2008

Doze dias depois do início da propaganda eleitoral gratuita de rádio e TV, a terceira pesquisa identifica um novo cenário na disputa pela sucessão ao Palácio Thomé de Souza. Realizada entre os dias 30 e 31 de agosto, ela aponta um isolamento do candidato ACM Neto (DEM), com 30% das intenções de voto estimuladas, e uma briga acirrada pela segunda posição, configurando empate técnico entre o ex-prefeito Antônio Imbassahy (PSDB), com 18%, o prefeito João Henrique (PMDB), com iguais 18%, e o candidato petista Walter Pinheiro, com 15%, empatado tecnicamente.

Embalado pelo balanço do reggae do seu jingle, Hilton Coelho (PSOL) conquistou outro pontinho e aparece com 2%.

As intenções de votos brancos e nulos registram 8%. A opção não sabe ou não respondeu somou 10%. Na pesquisa estimulada, uma lista com todos os candidatos é apresentada ao entrevistado para ele escolher um. O estudo ouviu 800 eleitores e tem margem de erro de 3,5%, para mais ou para menos.

A liderança de ACM Neto e o empate triplo no segundo lugar se deu pela queda de sete pontos percentuais das intenções de voto em Imbassahy e pela elevação de cinco pontos percentuais de Pinheiro, que pulou de 10% para 15% entre o início e o final do mês de agosto. Imbassahy e Pinheiro foram os únicos que variaram fora da margem da erro da pesquisa.

O tucano para baixo e o petista para cima. Neto foi de 31% para 30% e João Henrique de 16% para 18% na comparação entre o segundo levantamento, feito nos dia 2 e 3 de agosto, e este.

ESPONTÂNEA – Há um mês das eleições do dia 5 de outubro, a pesquisa aponta uma consolidação cada vez maior das intenções de voto em três candidatos. Isso porque o levantamento espontâneo afere o voto cristalizado e identificou aumento dos índices de Neto, João e Pinheiro. O espontâneo é quando o entrevistado é perguntado em quem votaria se a eleição fosse hoje sem que nenhum nome lhe seja apresentado em lista ou em disco.

ACM Neto variou de 15%, no início de julho, para 19%, um mês depois, e agora pontua com 24%.

O prefeito João Henrique variou de 8% para 10% e finalmente para 16%, passando Imbassahy, que tinha 11%, passou para 15% e agora tem 14%, considerando os mesmos períodos de aferições anter iores.

Walter Pinheiro também encostou em João e Imbassahy na espontânea ao sair de 3% das intenções de voto no início de julho, passar para 5% no início de agosto, e, enfim, chegar aos 13% registrados agora, 10 pontos percentuais a mais que na primeira aferição. Repete-se o quadro de empate técnico no segundo lugar, assim como acontece na estimulada.

Hilton aparece com 1% depois de não pontuar nas pesquisas anteriores.


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: